conecte-se conosco


Carros

Honda Civic 2020 ganha visual retocado, perde câmbio manual e parte de R$ 97.900

Publicado

Há uma nova versão de entrada, LX. Entre os novos equipamentos, há carregador de celular por indução e ajuste lombar para o motorista.

Honda mostrou nesta quarta-feira (6) a linha 2020 do Civic. O sedã médio passa por uma leve reestilização, três anos após a chegada da 10ª geração, em 2016. O visual é praticamente idêntico ao do modelo americano. Veja os preços:

  • Civic LX – R$ 97.900 (versão inédita)
  • Civic Sport – R$ 104.100 (era R$ 99.900)
  • Civic EX – R$ 107.600 (era R$ 106.400)
  • Civic EXL – R$ 112.600 (era R$ 110.000)
  • Civic Touring – R$ 134.900 (era R$ 128.900)

As mudanças, segundo a própria Honda, são “pontuais”, e incluem para-choques redesenhados e novo desenho para as rodas.

A Honda também aproveitou a mudança de ano/modelo para incluir novos equipamentos. Por outro lado, o câmbio manual deixa de ser oferecido. Todas as configurações saem de fábrica com transmissão CVT.

Há uma nova versão de entrada, LX. Ela traz ar-condicionado digital, freio de estacionamento eletrônico, controle de velocidade de cruzeiro, rodas de 17 polegadas, câmera de ré, controles de tração e estabilidade, 6 airbags e sistema de monitoramento de pressão dos pneus.

Leia mais:  Investimento da Fiat de R$ 7,5 bi vai para novos SUVs

Honda Civic 2020 — Foto: DivulgaçãoHonda Civic 2020 — Foto: Divulgação

Honda Civic 2020 — Foto: Divulgação

A Sport, antiga opção de entrada, foi “promovida”. Ela ganhou central multimídia com tela de 7 polegadas e conexões Android Auto e Apple CarPlay, sensores de luz e retrovisor interno antiofuscante.

A EXL, além dos itens acima, passa a contar com sensor de chuva, acesso e partida por chave presencial, ar-condicionado com duas zonas de temperatura e saída de ventilação para o banco traseiro.

Honda Civic 2020 — Foto: Divulgação

Honda Civic 2020 — Foto: Divulgação

Por fim, a opção topo de linha, Touring, adiciona motor 1.5 turbo de 173 cavalos, som com 10 alto-falantes, banco do motorista com ajustes elétricos e carregador de celular por indução.

Com exceção da Touring, todas as versões do Civic possuem motor 2.0 aspirado de 155 cv.

Outra novidade é que as versões EX, EXL e Touring passam a contar com bancos de couro na cor cinza quando a carroceria é cinza, azul ou branca (sólida). Quando o exterior é branco perolizado, prata ou preto, o estofamento é preto.

Leia mais:  Chinês conserta para-choque com miojo… E fica bom!!!

O Civic 2020 chega às lojas neste mês de agosto.

Fonte:G1

publicidade

Carros

Carro voador: veja projetos em desenvolvimento

Publicado

Automóveis com asas ou drones gigantes? Uber, Boeing, Airbus e outras empresas estão na “corrida” para ganhar os ares.

Notícias de carros voadores estão se tornando mais frequentes a cada dia. Essa corrida para ver quem domina primeiro esta tecnologia, e a coloca no mercado, envolve gigantes como Boeing, Airbus e Uber, mas também tem projetos nas mãos de várias startups pelo mundo.

A mais recente vem do Japão com o modelo da Nec Corp, que fez um voo de 1 minuto a 3 metros de altura.

Alguns se parecem mais com um carro de verdade, enquanto outros utilizam tecnologia mais similar a de drones. Outra corrida em potencial é a da moto voadora, nesse caso, com veículos mais compactos.

Veja os projetos de carros voadores:

Airbus

Conceito Pop Up Next, de Audi, Airbus e Italdsign é um carro que pode voar — Foto: Denis Balibouse/ReutersConceito Pop Up Next, de Audi, Airbus e Italdsign é um carro que pode voar — Foto: Denis Balibouse/Reuters

Conceito Pop Up Next, de Audi, Airbus e Italdsign é um carro que pode voar — Foto: Denis Balibouse/Reuters

Feito em parceria com a Audi, o conceito de carro voador da Airbus foi apresentado no Salão de Genebra de 2018. Com uma cabine de capacidade para dois passageiros, o habitáculo pode ser acoplado tanto a uma base sobre rodas como a um módulo de voo.

Interior do conceito de Airbus e Audi — Foto: DivulgaçãoInterior do conceito de Airbus e Audi — Foto: Divulgação

Interior do conceito de Airbus e Audi — Foto: Divulgação

O módulo de vôo tem 4,40 metros de comprimento, e é movido por 8 motores elétricos, que totalizam 217 cavalos. A autonomia é de 50 km.

Boeing

'Carro voador' da Boeing faz primeiro voo de teste — Foto: Ho/Boeing/AFP

'Carro voador' da Boeing faz primeiro voo de teste — Foto: Ho/Boeing/AFP

‘Carro voador’ da Boeing faz primeiro voo de teste — Foto: Ho/Boeing/AFP

Feito para ser um veículo autônomo, o carro voador da Boeing fez seus primeiros testes no início de 2019.

Ele mede 9 metros de comprimento e 8,5 m de largura, conta com sistemas de propulsão e de hélices para planar e se move como um helicóptero.

Nec

Carro voador japonês faz voo de um minuto em teste
G1 Carros

00:00/01:09

Carro voador japonês faz voo de um minuto em teste

Carro voador japonês faz voo de um minuto em teste

Com incentivos do governo japonês, empresas locais estão desenvolvendo carros voadores com o objetivo de que estejam nos ares do país até 2030. Um dos exemplos é o modelo da Nec Corp, que apareceu em um teste ao público.

Carro voador da Nec fez voo de um minuto nesta segunda-feira (5), em Abiko, no Japão — Foto: Koji Sasahara/AP

Carro voador da Nec fez voo de um minuto nesta segunda-feira (5), em Abiko, no Japão — Foto: Koji Sasahara/AP

Carro voador da Nec fez voo de um minuto nesta segunda-feira (5), em Abiko, no Japão — Foto: Koji Sasahara/AP

Leia mais:  Mercedes-Benz revela o GLB, SUV intermediário de 7 lugares

Mais parecendo um drone gigante, o veículo ficou cerca de 1 minuto no ar a uma altura de 3 metros . Seu objetivo inicial é a entrega de objetos.

Pal-V

"Carro voador" da Pal-V é mostrado no Salão de Genebra 2019 — Foto: Denis Balibouse/Reuters"Carro voador" da Pal-V é mostrado no Salão de Genebra 2019 — Foto: Denis Balibouse/Reuters

“Carro voador” da Pal-V é mostrado no Salão de Genebra 2019 — Foto: Denis Balibouse/Reuters

Continue lendo

Carros

Produção de veículos no Brasil cresce 8,4% em julho, diz Anfavea

Publicado

As exportações continuam em baixa, com queda de 15,3% considerando o mesmo mês de 2018 – por outro lado, o número subiu 4,2% em relação a junho.

A produção de veículos cresceu 8,4% em julho, de acordo com a associação que representa as montadoras, a Anfavea. A comparação é com o mesmo mês de 2018.

Durante o último mês, o melhor julho desde 2013, foram produzidos 266.371 carros, comerciais leves, caminhões e ônibus, contra 245.641 em julho do ano passado.

Quando comparado com junho, quando foram produzidas 233.150 unidades, o número é 14,2% maior.

Produção de veículos cresce 8,4% no país, em julho
Jornal GloboNews edição das 10h

00:00/04:40

Produção de veículos cresce 8,4% no país, em julho

Produção de veículos cresce 8,4% no país, em julho

A entidade manteve as previsões para o ano.

“Estamos com otimismo moderado. Temos que ter certo cuidado, mas existem elementos na economia atual que podem impulsionar um segundo semestre melhor”, explica Luiz Carlos Moraes, presidente da Anfavea.

Leia mais:  Yamaha NMax renovado aparece em registro de patente no Brasil

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

SÃO FELIZ DO ARAGUAIA

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

MULHER

Mais Lidas da Semana