conecte-se conosco


Mato Grosso

Orquestra Sinfônica CirandaMundo dedica concerto de novembro à Jean Sibelius

Publicado

Um concerto inteiramente dedicado à obra do compositor finlandês Jean Sibelius marca a apresentação da Orquestra Sinfônica CirandaMundo em novembro, pela série Cerrado. Sob regência de Murilo Alves, a Orquestra sobe ao palco do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros na quarta-feira (13.11), às 20h. A entrada, como de costume, é 1kg de alimento entregue na bilheteria do teatro, na noite do concerto.

O repertório reservado para essa homenagem à Jean Sibelius conta, já na abertura, com a famosa Canção da Primavera, seguida da Suíte Karelia, Finlândia e, por fim, o quarto movimento da Sinfonia n°2 em ré menor, Op. 43.

“Preparamos um programa à altura da importância desse compositor fundamental. Um programa grandioso e imponente que mostra toda a suntuosidade da obra de Sibelius. Por ser um compositor importante do pós-romantismo, ou romantismo tardio, Sibelius, mesmo lidando com tipo de organização sonora tão explorada, conseguiu criar obras muito originais. Verdadeiros monumentos orquestrais”, explica Murilo Alves.   

É certo dizer que Jean Sibelius foi um dos mais populares compositores do fim do século 19 e início do século 20. Sua música teve importante papel na formação da identidade nacional finlandesa. Parte fundamental da obra de Sibelius é a sua coleção de sete sinfonias. Assim como Beethoven, Sibelius usou cada uma delas para trabalhar uma ideia musical e desenvolver seu próprio estilo.

Leia mais:  Penitenciária proporciona qualificação em cultivo de hortaliças para reeducandos

“Um compositor de imenso valor, constantemente exaltado em importantes salas de concerto ao redor do mundo. O que acho fantástico em Jean Sibelius é que ele permaneceu fiel às suas convicções. Num período em que a música já tinha passado por importantes transformações, ele conseguiu obter êxito criando a partir de um procedimento já tão explorado, no caso, o romantismo. O que prova que não estava tão esgoto assim, não é verdade? O vejo tão original quanto qualquer outro inovador”, conclui Murilo. 

Instituto Ciranda

Há 16 anos ininterruptos, o Instituto Ciranda desenvolve um programa de educação musical dedicado a crianças e adolescentes em idade escolar. Em 2019, serão mais de mil jovens atendidos em nove polos de ensino distribuídos pelo Estado. São eles: Cuiabá (bairros Boa Esperança e Dr. Fábio), Poconé, Várzea Grande (Bairro São Matheus), Rondonópolis e Chapada dos Guimarães, além dos polos de João Carro e Água Fria, zona rural de Chapada.

Parte das primeiras gerações de instrumentistas formada pelo Instituto Ciranda, hoje, ensina para novas gerações de músicos, teoria e técnicas, leitura de partituras e prática em conjunto. “Desde sua criação, em 2003, a instituição vem transformando vidas ao tempo em que forma novas plateias, novos instrumentistas, professores e cidadãos”, comemora o maestro Murilo Alves, presidente do Instituto.

Leia mais:  Secretaria realiza operação para retirada de materiais e reforço na segurança da PCE

O Instituto Ciranda – Música e Cidadania é um dos 32 Pontos de Cultura apoiados pelo Governo de Mato Grosso via Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer.  

Serviço

Orquestra Sinfônica CirandaMundo dedica concerto à Jean Sibelius

Data e hora: Quarta-feira (13.11), às 20h

Local: Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros

Entrada: 1kg de alimento

Livre para todas as idades

Informações: 65 3623-1239

Fonte: GOV MT
publicidade

Mato Grosso

Ex-vereador de São José do Xingu é morto a tiros no Distrito de Espigão do Leste

Publicado

A suspeita é de acerto de contas, visto que a vítima era envolvida com o tráfico de drogas e grilagem de terras

O ex-vereador de São José do Xingu Luiz Freitas Lopes, de 57 anos, mais conhecido como Luiz da Carlozita, foi morto por volta de 22h de terça-feira (19), no Distrito de Espigão do Leste, há cerca de 200 km de São Félix do Araguaia.

Conforme apurou o site Olhar Alerta, consta no boletim de ocorrência que a Polícia Militar foi acionada por populares, pois possivelmente teria ocorrido disparos de arma de fogo próximo a uma oficina. Quando a guarnição chegou ao local, localizou Luiz e o encaminhou até o pronto atendimento, onde os profissionais competentes constataram que ele já estava sem vida. Luiz da Carlozita foi morto com cerca de seis tiros.

Os policiais fizeram rondas pelo distrito afim de localizar o atirador, contudo, não obtiveram êxito. A suspeita é de acerto de contas, visto que a vítima era envolvida com o tráfico de drogas e grilagem de terras. O caso deverá ser investigado pela Polícia Judiciária Civil

Leia mais:  Semana da Ressocialização reúne atividades desenvolvidas com reeducandas em penitenciária

Fonte:Olhar alerta

Continue lendo

Mato Grosso

Governo fecha outubro com R$ 71 milhões provisionados para pagar o 13º salário

Publicado

Pela primeira vez no ano, o Governo do Estado conseguiu fechar o mês com recurso provisionado para o pagamento do 13º salário do servidor público. Já está no caixa do Executivo o valor de R$ 71 milhões, que serão destinados para a quitação da folha extra de dezembro.

De acordo com o balanço do mês de outubro, que foi apresentado ao governador Mauro Mendes nesta terça-feira (19.11), o Estado arrecadou R$ 1.732.119.702, o maior valor acumulado do ano. O Governo tinha um saldo na conta única no dia 1º de outubro no valor de R$ 49.561.685 e o total de despesas no mês foi de R$ 1.558.189.595.

No mês passado foi possível efetuar o pagamento de R$ 152.174.631 de despesas acumuladas do ano de 2019 e ainda provisionar o valor de R$ 71 milhões para quitar o 13º salário.

Nas despesas fixas mensais, o Estado utilizou R$ 305.576.654 para o pagamento da folha salarial dos servidores ativos e R$ 180.761.058 dos aposentados e pensionistas.

Com relação aos repasses obrigatórios aos poderes, o Governo transferiu para a conta do Tribunal de Justiça o valor de R$ 88.215.266; para Assembleia Legislativa, R$ 40.828.828; Ministério Público Estadual, o valor foi de R$ 35.619.029; para o Tribunal de Contas do Estado o repasse foi de R$ 29.171.648; e a Defensoria Pública recebeu a quantia de R$ 13.630.898.

Leia mais:  Sema realiza Curso de Manejo de Produtos Florestais Não Madeireiros em Alta Floresta

As prefeituras receberam em repasse obrigatório a quantia de R$ 330.091.224. Na Educação, o valor do Fundeb foi de R$ 182.460.790 e mais o repasse de R$ 18.852.082. A Saúde Pública ficou com R$ 51.466.383.

O balanço registrou que o custeio das secretarias ficou na ordem de R$ 130.654.270 e os repasses para Iagro, Imad, Imafir e Detran, na ordem de R$ 2.586.682.

Foi possível também repassar no mês de outubro a quantia de R$ 23.678.338 às contas especiais do MT Saúde, MT Prev e Feef. Os bloqueios judiciais totalizaram a quantia de R$ 8.546.624.

Com investimentos, o valor gasto foi de R$ 8.549.353, aqui não é contabilizado o recurso investido pelo Fethab (Fundo Estadual de Transporte e Habitação). Já com o pagamento de dívidas com bancos, o valor despendido foi de R$ 107.620.469.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

SÃO FELIX DO ARAGUAIA

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

MULHER

Mais Lidas da Semana